Manoá e Oxidídios

Diletos Mestres ,meus mais deferentes salamaleques .
Passeando pela terra e rodando por ela ,me deparei com os inquéritos dos dias 23 e 17 deste ,e me atentei aos tais,e em sequência deporei à respeito ! Manoá é a forma tradutória de idiomas ocidentais para Manôach [o “ch” se pronuncia como no alemão ou “j” espanhol ou 2 erres ]trata-se do pai de Sansão [Juizes 13:02] e tem seu étimo do verbo hebraico לנוח =lanúach =descansar .em hebraico se escreve assim מנוח =Manôach =descansará ,assim como Noé =נוח=Nôach=descanso .Já o segundo assunto ,Oxidídios não há nenhum traço de simpatia de minha parte ,posto ser uma nova droga mais forte que o tal craque !há um termo químico “óxidos ácidos” ,que são aqueles óxidos que reagindo com água formam um ácido ou agem como um ácido em determinadas condições e que é o caso !esta palavra tem sua neo-origem do inglês sendo formada por OXID+*IDEO *elemento de formação pospositivo, de origem grega, que exprime a ideia de relação, semelhança.e é assim que veio aportuguesado OXIDÍDIO ;como o l.s.d que também é uma droga e tem por alucinógeno o ácido lisérgico.
Calorosos abraços aos mestres que os tenho em grande estima.
p.s :dia 25/09 .gostei da implacável jocosidade na resposta no que diz respeito à grav… ;aproveito a ocasião e formulo tal questão: graviola tem seu étimo em “viola gravida?

Resposta:

Como sempre, agradecemos o auxílio do prezado amigo e nos embasbacamos perante o seu conhecimento.

Gostamos muito da expressão “implacável jocosidade”!

Pelo que sabemos, a origem de graviola  é desconhecida, mas vá a gente saber do que é capaz uma viola no cio no interior de um teatro às escuras.

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!