Pergunta #7678

Por favro eu gostaria de saber a origem do meu nome IONEIDE. Obrigada!

Resposta:

Seu nome parece ser uma variante do Grego IONE, "violeta".

Pergunta #7677

Por gentileza, qual a origemdas palavras?
– Enteógeno
– Alucinógeno
– Psicodélico
Grato!!!

Resposta:

1) Formado a partir do Grego EN-, "em|", + THEOS, "deus", + GEN-, "gerar".

2) Do Latim ALUCINARI, "vagar com a mente, sonhar".

3) Feita em 1956, do G. PSYKHE, "mente", + DELOUN, "fazer aparecer, revelar"

Pergunta #7676

Desculpe-me, não tinha visto que você já avia respondido a minha pergunta…
Obrigado…

Resposta:

Ah, baum, eu naum tinha visto q v. já tinha visto...
Amanhã procure mais.

Pergunta #7675

Vc só fala ah baum, e num respond???????………

Resposta:

Eu fala ah baum e respond, sim, veja na sua pergunta orig, a de nº 7663.

Pergunta #7674

Gostaria de saber a origem da palavra cavalaria.
Há a possibilidade de cavalo ser derivado de cavalaria, e não o contrário?

Resposta:

Clique sobre o livro azul ali em cima, desça até à lista de edições bem no fim da página e clique na de nº 11, "Nas Forças Armadas".
Ali v. verá que a palavra que surgiu antes foi "cavalo" e não "cavalaria".

Pergunta #7673

Boa Tarde pessoal,

Alguém sabe qual a origem da palavra informal?

Resposta:

Nóis sabe.
Ela vem do Latim IN-, negativo, mais FORMA, "molde, forma, formato".

Pergunta #7672

Desculpe por ter me expressado errado, é a origem que eu quero saber…..

Resposta:

Ah, bão...

Pergunta #7671

quero saber sobre a palavra “chabod”ou “chabad”,obrigado mestre.

Resposta:

Não sei se é a isso que v. se refere, mas CHABAD é o acrônimo hebraico para as faculdades intelectuais de sabedoria (CHACHMACH), compreensão (BINAH) e conhecimento (DA′AT).

Pergunta #7670

QUOD SCRIPSI, SCRIPSI!

Resposta:

AMEN.

Pergunta #7669

“Escreva para d.scripsi@gmail.com repetindo o pedido.”
Como boa detetive, fui pelo caminho citado e já sei tudo, tudinho que queria. Agora só me falta saber, assim como ao Pequeno Príncipe, o significado da palavra Carnaval. Não fique bravo, Mestre, são os ofos do ossício.

Resposta:

Significados? Com os dicionários, sua detetive preguiçosa!

Pergunta #7668

Por gentileza, pode nos fornecer a origem da palavra CARNAVAL? É a palavra da hora, sim, mestre?
Muito agradeço, bom dia.

Resposta:

Prezado Pequeno Príncipe, esta palavra vem do Fino-Úgrico CAR, "não", mais NA, "me", mais VAL, "provoque".
Era o grito que as pessoas sérias davam aos chocarreiros, chalaceadores, eutrafélicos, galhofeiros, mangadores e zombeteiros de vário tipo quando estes insistiam em sambar nas encostas dos Montes Urais.

Pergunta #7667

Qual a origem da palavra pedagogo?

Resposta:

Do Grego PAIS, "criança", mais AGOGOS, "o que leva, condutor", de AGEIN, "guiar, liderar".

Pergunta #7666

Oooooops… Esclarecendo:

“essa mosca” = “mosca do chifre”, temida pelos criadores de gado!

Desculpem a gafe!!!

F… Ó… I… Fuuuuiiiii!!!!!

Pergunta #7665

Oi, Mestre!!!

Pode nos dar a origem de “Belzebu”?

É que encontrei a seguinte afirmação: “Essa mosca é a tal que originou o nome do demo, Belzebu. Não tem nada a ver com o boi da raça zebu. A palavra tem origem na antiguidade, entre os hebreus. Baal era o deus dos filisteus e ele incomodava tanto quanto as moscas. Assim, recebeu o ′carinhoso′ apelido de Baalzebube, que significa ′príncipe das moscas′.”

1) A afirmaçao está certa?
2) Qual a origem de “zebu” = raça bovina?

Grato!!!

Resposta:

Esse era um deus adorado pelos filisteus em Ekron. O nome vem do Hebraico BA′AL-Z′BUB, sendo BA′AL "Senhor" e o resto "mosca".
Mas o nome não devia ser pelo incômodo que causava, não.
Não era o nome do Demo, não; os escritores cristãos primitivos escolhiam nomes de deuses de outras religiões para nomear seus demônios, num esforço propagandístico para alterar a situação em favor de sua própria religião.

"Zebu" vem do Francês ZÉBU, do Tibetano MDZOPHO, "cruza de iaque com zebu".
O animal foi apresentado no Ocidente na Feira de Paris em 1752 e fez grande sucesso.

Pergunta #7664

Tô só esperando alguém perguntar carnaval,
hihihi

Obrigaada Mestre !

Resposta:

Muuito engraçadinha!

Pergunta #7663

gostaria de saber os significados das palavras: Gameleira, Guariroba, tambatajá, ouricuri, xingú, juruá, jari, cajá-manga, taturana, tatuí, tamanduá, maracajá, guará, suçuarana, pirarucu, tucunaré, cará, Quarup, boi-bumbá, sanhaço, tié-sangue, tangará, curió, sabiá e boto-cor-de-rosa.

Muito Obrigado…

Resposta:

Matheus, antes de mais nada leia nossa introdução à resposta 7651, para Vera Esscobar, para entender por que suas respostas virão de dez em dez a cada dia.
Em segundo lugar, desde já saiba que o material existente para a etimologia de palavras nativas deste país não é dos melhores, de modo que nem sempre conseguiremos uma resposta.

1) De "gamela", do Latim CAMELLA, "vaso baixo de madeira".

2) Tupi, GWARI′ROWA, esta última querendo dizer "amargo".

3) T., TA′JA sendo final comum a plantas de um certo tipo.

4) T., URI′KURI, "o fruto de certa palmeira".

5) Não sabemos.

6) Vide acima.

7) V. acima.

8) T. AKA′YA, "fruta com caroço grande".
"Manga" é do Malaio MANKAY, o nome do fruto.

9) Do Tupi TA′TA, "fogo", + ′RANA, "semelhante".

10) T., TATU, "tatu", mais I, "pequeno".

Pergunta #7662

Olá!
Gostaria de saber a origem das palavras: gazofilácio e claviculário.
Obrigada.

Resposta:

1) Grego, GAZOP0HYLAKION, "o palácio do tesouro".

2) Latim, CLAVICULA, diminutivo de CLAVIS, "chave".

Pergunta #7661

Gostaria de saber a origem do meu nome.

**THAYANA**

Obrigada!

Resposta:

Seu nome aparentemente não tem origem histórica e sim eufônica, ou seja, corresponde a um conjunto de sons que resulta agradável.

Pergunta #7660

Gostaria de saber a origem da palavra “orelha seca” dada ao ajudante de pedreiro.

Resposta:

Tanto quanto sabemos, é porque as altas temperaturas causadas pelos fornos são mesmo de deixar as pessoas com as orelhas secas.

Pergunta #7659

Gostaria de saber a origem da palavra “ECLESIÁSTICO”.

Obrigado…

Resposta:

É do Grego EKKLESIASTIKOS, "relativo à reunião" - no caso, do Conselho de Atenas, de EKKLESIA, "reunião, assembléia", de EKKALEIN, "chamar, conclamar", formado por EK-, "fora", mais KALLEIN, "chamar".

Pergunta #7658

Atenção consulentes,
Atenção estudantes,
Atenção distraídos:
Um aviso de utilidade pública:
Nesta quarta-feira, antevéspera do início do tríduo momesmo (quá, quá, quá!), alerto a todos,
Não vale perguntar ao professor a origem e MENOS AINDA o significado da palavra carnaval. ELE FICA UMA FERA, TEM UM AGAZÃO, UM PITI. SÉRIO.

Resposta:

Ouçam! Ouçam! Croquezz sabe, Croquezz conhece, Croquezz não quer que o site feche pela prisão de um dos seus componentes.

Pergunta #7657

Gostaria de saber a origem da palavra “IMPUTAR”.

Obrigado…

Resposta:

Ela deriva do Latim IMPUTARE, "atribuir a, calcular", de IN -, "em", mais PUTARE, "calcular, supor, imaginar, podar".

Pergunta #7656

Olá.
Sou professora de Português no Ensino Fundamental e gostaria de usar alguns de seus textos com meus alunos em classe.
Como faço para obtê-los?
Obrigada,
Valéria

Resposta:

Escreva para d.scripsi@gmail.com repetindo o pedido.

Pergunta #7655

MAS JÁ?
Nossa, isso que é rapidez !

Obrigada!

Resposta:

Para algumas coisas, a Traça é rápida.

Pergunta #7654

ah, mas eu fiquei as férias inteiras sem perguntar, dá um desconto vai ?

é que eu leio algumas coisinhas, e daí bate a curiosidade, e dai eu anoto, e depois pergunto
eu sei que devia perguntar em varejo, mas é que não deu pra perguntar nas férias. Entrava pouquíssimo na internet, e ficava tempo insuficiente para digitar tudo isso !
ana.maria, respondo amanhã seus e-mails, tudo bem ?
:*

Resposta:

Ela lê "umas coisinhas"...
Não precisava perguntar de todas!

Pergunta #7653

Geeente! Onde essa criatura arranja tanta palavra? Anda tomando sopa de letrinha? E ela não pergunta tipo: etimologia de banana, ou de telhado, ou de ventania, não!
Mestre, eu não vou perguntar é nada, diante dessa enxurrada. E a Angélica, será que viajou também?
Beijokas a todos.

Resposta:

Retribuímos.

Pergunta #7652

Desculpe pelo trabalho Professor, mas não estava entrando muito na internet nas férias, e mesmo assim não parei de pensar em etimologia.
Responda aos poucos, não se preocupe em responder de uam vez não !

Muuito obrigada !
:*

Resposta:

Apesar do trabalho que v. dá, é sempre bonito ver que alguém não consegue se desligar da curiosidade etimológica.

Pergunta #7651

E mais outra !

– donaire
– edule
– eiva
– edaz
– infenso
– infausto
– inextricável
– extirpável
– garbo
– espáduas
– esteta
– estética
– truz
– penumbra
– opulência
– incursão
– tétrico
– lânguido
– escorchar
– escanzelado

Resposta:

Vera, decididamente seu mau exemplo devido ao amor pela matéria puxa outros. Em conselho, resolvemos que não responderemos, por ora, a mais de dez palavras por dia de longas listas.
Assim, hoje vão dez e nos veremos amanhã.

1) Espanhol, DONAIRE, "dom natural", do L. DONARIUM, que era o local onde eram colocadas as esmolas.

2) L., EDULIS, "comestível", de EDERE, "comer".

3) Origem obscura.

4) O mesmo que 2).

5) L., INFENSUS, "irritado, agastado". Hum.

6) L., INFAUSTUS, "infeliz", de IN-, negativo, mais FAUSTUS, "venturoso, feliz".

7) De IN- + EX- + TRICAE, "ninharias, coisas sem valor".

8) De EX- + STIRPS, "tronco, cepa, família".

9) L. SPATHULA, dim. de SPATHA, "espada, instrumento achatado".

10) Grego, AISTHETIKOS, "sensível", de AISTHANESTHAI, "perceber, sentir".

Pergunta #7650

E lá vai outra..

– intrínseco
– concernir
– fancaria
– invés
– intróito
– invio
– linóleo
– catre
– iracundo
– apetecível
– égide
– ité
– itaoca
– langoroso
– caução
– concomitante
– recalcitrar
– asecla
– venal

Resposta:

Ai, pobre Traça, paciência...

1) L., INTRINSICUS, "interior, interno", de INTRA, "dentro", mais SECUS, "ao longo de, o que segue".

2) L., CONCERNERE, "tocar, pertencer a", de COM-, "com", mais CERNERE, "peneirar, separar", de onde "perceber, abranger".
O significado "estar relacionado com" é do séc. XVII.

3) Origem incerta.

4) Vide 1), sua folgada.

5) L., IN-, negativo, mais VIA, "caminho".

6) Inventada em 1860 a partir do L. LINUM, "linho", mais OLEUM, "óleo", para designar um óleo de sementes de linho usado para impermabilizar materiais.

7) Talvez do Sânscrito KHATTA, "leito pobre".

8) L., IRA, "raiva, ira", mais o -UNDUS de que já falamos.

9) L., APPETERE, "desejar, ansiar por", formado por AD, "a", mais PETERE, "ir, procurar".

10) Grego, AIGÍS, o nome do escudo de Pallas.

11) Tupi I′TE, "verde, não maduro".

12) T., I′TA, "pedra", mais O′KA, "casa".

13) L., LANGUERE, "ser fraco, mole".

14) L., CAUTIO, de CAUTUS, particípio passado de CAVERE, "tomar cuidado, estar de guarda".

15) L., CONCOMITARI, "acompanhar, estar junto", de COM-, "junto", mais COMITARI, "fazer companhia", de COMES, "companheiro".

16) L., RECALCITRARE, "escoicear, chutar para trás", de RE-, "para trás", mais CALX, "calcanhar".

17) Tia Odete manda dizer que o que não está escrito certo não recebe resposta.

18) L., VENALIS, "o que está à venda", de VENUM, "à venda".

Pergunta #7649

Olá !
Achei minha listinha !

vou mandar em partes, tudo bem ?

– inzona
– punguear
– taciturno
– indumentária
– iridescentes
– nácar
– rubicunda
– ignomínia
– arrabalde
– escaramuça
– estrépito
– viés
– túrgido
– túmido
– intumescido
– intrujar
– imiscuir
– doidivanas
– doesto

Resposta:

Ai, ai.

1) Variante de "enzona", que é variante de "onzena", que vem de "onze".
Também não entendemos.

2) Do Lunfardo PUNGA, "furto de carteira", do Italiano meridional PUNGA, "bolso".

3) Latim, TACERE, "calar-se".

4) L., INDUMENTUM, "roupa", de INDUERE, "vestir-se".

5) L. e Grego IRIS, "arco-íris", originalmente "mensageira dos deuses".

6) Italiano, NACCARO, "madrepérola", talvez do Árabe NAKKARA, "esvaziar".

7) L. RUBRUS, "vermelho", mais -UNDA, denotando "grande quantidade".

8) L., de IN-, "não", mais NOMEN, "nome": o que nos retira o nome, a honra.

9) Árabe, AR-RABAD, "arredores de uma cidade".

10) Italiano, SCARAMUCCIA, provavelmente de origem germânica.

11) L., STREPITUM, de STREPERE, "fazer barulho".

12) G., EPIKARSIOS, "oblíquo, inclinado", de EPI, "sobre", mais KARSIOS, "oblíquo".

13) L., TURGERE, "inchar".

14) L., TUMERE, também "inchar".

15) Esta não! Use a cabeça!!

16) Talvez do L. INTRUSUS, "colocado à força".

17) L., INMISCERE, "misturar-se", de IN-, "em", mais MISCERE, "ajuntar, misturar".

18) De "doido" mais "vão".

19) Do L. DE-, negativo, mais HONESTUS.
Primeira Anterior 123456 última
; ?>