Em: Consultório Etimológico

Tenha dó de mim!

Ok, não toco mais no assunto dos ciganos. Infelizmente não sei formular o que penso.
Minha expulsão? Jamé! Criei raízes, meu caro…

Você deveria considerar o seguinte: se as palavras que pergunto não têm origem, tenho o direito de passar dos 6 étimos para compensar os que me devem. O que acha?

Por que não comentou sobre minha observação? Foi de propósito?

Voilà! Tenho mais: BESUNTAR, ARRUAÇA, DÓ ( nota musical).

Resposta:

Ué, você sabe formular o que pensa, sim.  Não se pode mais resmungar agora?

Ná, ná! Olhe bem, pesquisar e confirmar que uma palavra tem origens incertas, etc. dá muito mais trabalho do que descobrir direto uma origem sabida.Estamos  até pensando em tratar uma palavra de origem incerta como 3 das outras.

Ah, por aqui tudo é muito confuso.

1) Do Latim BISUNCTARE, “lambuzar, melar”, formado por BIS, “duas vezes”, mais UNCTARE, “untar”.

2) De “rua”.

3) Duvidosa. Dizem que foi escolhida  por ser mais sonora do que UT, o nome inicial da nota.

 

¤ ¤ ¤