Pergunta #10921

Oi, pessoas! Na minha obtusa multiplicidade e presunçosa dualidade achei um tempinho. A cada dia mais me parece que não vai dar tempo de viver tudo o que quero e fazer tudo o que desejo. Uma vida para mim é pouco, só que não acredito em retorno; principalmente um retorno em que a gente nem viria a saber que voltou: ah, não deu tempo de fazer antes mas agora vou fazer, que bom.
Não me esqueci, Raul, estou devendo mas nesta semana lhe responderei. Já perdoou o boi? Está tudo melhor com vc?
Vim para perguntar sobre canastra (cesta grande) e como e pq veio a dar em canastrão – um ator débil na arte.
E tb se a maconha e o cânhamo, por terem a mesma raiz em Botânica, são da mesma família etimológica. Acho que sim,claro que sim, pó-rém não sei como veio a dar em maconha e não em macônhamo. Ou cânhamo mesmo, sem o “ma” que parece designativo de MEU. Xô!

Resposta:

Complicados, esses adjetivos usados injustamente de modo pejorativo. Anda lendo M. de Assis ou algo assim?

“Cânhamo” vem do Grego KÁNNABIS, “cânhamo, tecido feito dele”.
E “Maconha” vem do Quimbundo MAKANHA, relacionado com DIKANHA, “tabaco”.

“Canastra” vem do Grego KÁNISTRON, diminutivo de KÁNEON, “cesta”, de KANNA, “junco, caniço”.
Minhas fontes todas dizem que “Canastrão” deriva de “Canastra”, mas nenhum explica o porquê.