Palavra botropídeo

Biolorgia

Oi. Primeiro quero parabenizar o site, é realmente incrível.

Gostaria de saber a etimologia das palavras:
Bothrops (gênero de serpente);
Elapidae (Família de serpentes);
Colubridae (Família);
Dipsadidae (Família) e
Viperidae (Família).

Obrigado

Resposta:

Agradecemos o elogio.

1) Do Grego BOTHROS, “fossa, cavidade”, mais OPS, “face”, em menção à fossa loreal que esses répteis apresentam sob os olhos e que abrigam termo-receptores.

2) Do G. ELLOPS, “serpente marinha, nome de um peixe”, mais OEIDES, “semelhante a”.

3) Do Latim COLUBRA, “cobra, serpente”.

4) Do L. DI, “dois, duplo”, mais A, “sem”, mais APSIDUM, derivado do G. APSIS, “arco, curva”, referindo-se às aberturas no crânio.

5) Olhe pela origem de víbora em nossa Lista de Palavras.

 

Bicharada

Lary, na verdade, eu tenho 16, quase a metade da sua idade! Não entendi a surpresa…

Tá bom, Marechala Sinclair (gostou?), de onde vêm, então,  LOXOSCELES, CRÓTALO, ELAPÍDEO, BOTRÓPICO, LAQUÉTICO e LÊMURE? Este último tem algo a ver com rato?

Alto!

Resposta:

Dezesseis, hein, Lary?…

Tia Odete não está aqui hoje, foi deitar mais cedo porque amanhã tem aulinha.

1) Do Grego LOXOSCELES, “pernas torcidas ou inclinadas”, pois elas se curvam para a frente em posição normal.

2) Do G. ÉLLOPS, “peixe marinho”, não pergunte por quê.

3) Do G. BOTHROS, “fosso, buraco”, mais OPS, “face”, devido aos orifícios que abrigam seus sensores de calor na face.

4) Não sabemos.

5) Do Latim LEMUR, nome de espíritos de mortos sem paz ou malévolos.

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!