Palavra hiperônimo

Perguntas

Doutora, estou acometidos de vários problemas de ordem psicológica… Tais problemas se revestem em forma de dúvidas que não páram de atormentar minha cabeça. Como verdadeiras endemias, essas dúvidas chegam durante certos períodos impetuosamente a me pertubar, exigindo respostas como antídotos a suas investidas, e quase nunca é possível saciá-las. Por isso venho a essa consulta à procura de uns analgésicos que possam combater esses sintomas ( e assim me aliviar). Tais sintomas estão manifestos nas seguintes perguntas:

Espécie

Hiperônimo

distopia

categórico (ou categoria)

melindre

calúnia

injúria

Resposta:

Chamamos a Tia Odete, que veio vestida de doutora, com estetoscópio e tudo para tentar aliviar seus sintomas. Não ficou claro se era às origens das palavras que v. se referia, mas ela manda avisar que só sabe tratar doenças usando esse remédio.

1) Latim, SPECIES, “aparência, aspecto visível, forma, tipo”, de SPECERE, “olhar para”. Gerou também “especial”, com o significado de “próprio, particular, específico”.

Específico também deriva daí.

2) Do Grego HYPER, “acima, sobre”, + ONYMON, “nome”.

3) G., DIS-, “fora, errado”, + TOPOS, “lugar”.

4) L., CATEGORIA, do G. KATEGORIA, “acusação, afirmação” literalmente “falar em público contra alguém”,  de KATÉGOR, “o que acusa, o que afirma”,  de KATA-, “contra”, + AGOREIN, “falar numa reunião de pessoas”.

O sentido original de “acusar” acabou se enfraquecendo e passando a designar “nomear, ordenar em classes”.

5) Espanhol, MELINDRE, tipo de doce delicado, possivelmente com influência  de MIEL, “mel”.

6) L., CALUMNIA, “afirmação maliciosa, acusação, subterfúgio”, de CALVI, “enganar, trapacear”.

7) L., INJURIA, “conduta fora da lei, injustiça”, de IN, negativo, + JUS, “direito, justiça”.

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!