Consultório Etimológico

Pergunta #899

Caro,

Qual é a origem da palavra Sim?…

Obrigado,

Rogério

Resposta:

Rogério:
Essa palavra vem do Latim, embora este não tivesse o “sim”. Estranho, mas não tinham.
Para dar uma respota afirmativa, ou eles repetiam a frase (“-Vais ao cinema hoje? – Vou ao cinema hoje.) ou diziam “assim”, que podia assumir duas formas: SIC – que originou nosso “sim”, ou ITA.

Pergunta #898

Oi, Sr.Sapiência! tudo legal?!
Como não posso ficar muito tempo na carestia, tenho sempre de dar um pulinho aqui, é ar para os pulmões.
Bem…a Delicadeza com a querida Patrícia se entendem super bem, as duas fazem uma dupla espetacular, mas…acho melhor definir logo nossas colocações na hierarquia da I.E.U, é mais seguro…Traça Gigante tem seguro de vida?
Amigo, a de hoje:
REPRISTINAR
SOLAPAR
Portugal, me faz dar uma geral no vocabulário, amplia as estantes!
Abração, sem esmagar nada, ok?!
Sua fã de além-mar,
Selma

Resposta:

Selma:
Realmente, acho que vou ter que fazer uma lista de posições do pessoal na hierarquia de nossa Igreja. Elas só terão nomes diferentes, pois todos ficarão no mesmo nível. Será a única hierarquia absolutamente horizontal do mundo. Já começamos inovando!

“Repristinar” vem do Italiano REPRISTINARE, “tornar como era antes”, do Latim RE-, “outra vez”, mais a raiz de PRISCUS, “antigo”. Desta palavra temos nossa expressão “priscas eras” e o nome “Priscila”.
“Solapar” vem de SUB, “abaixo”, mais LAPA, “grande pedra”, de origem indefinida. Escavar sob as muralhas inimigas era um importante método de cerco em priscas eras.

Vou-lhe fazer uma pergunta estranha que depois explicarei: você tem algum conhecido que tenha um aparelho de GPS? Se conseguir um, pode me dar as coordenadas geográficas precisas da sua casa?

Pergunta #897

Olá, Prof.!
Ah!!! Até o senhor percebeu meu estado lacônico!!! Não é pelo excesso de festa e sim de trabalho! Meu chefe é muito exigente e tenho pouco tempo para entrar e sair da biblioteca!
Recado a Patrícia: com certeza, eu a “suportei” mais tempo pois sua idade é inferior a minha…
Prof., por gentileza, gostaria de saber a origem de ” justificativa”. Grata.

Resposta:

Delicadeza:
Seu chefe é muito, muito mau. Primeiro, convide-o a nos conhecer. Se ele não gostar, pode deixar que vamos fazer uma praga bem rogada com os poderes da IEU e ele vai mudar.

“Justificativa” vem do Latim JUSTIFICARE, de mesmo sentido, de JUS, “direito, certo, legal”, mais a raiz de FACERE, “fazer”.
Falando em “lacônica”, você já se perguntou qual a origem desta palavra?

Pergunta #896

Professor, esqueceu de mim?
Será que estou em falta com os donativos para a IEU?

Resposta:

Patrícia:
Curioso. Acho que os meus duendes interferiram na Internet, pois só agora foi que chegaram até aqui umas consultas postadas há mais tempo.
Não sei, talvez seja porque houve um acidente de tráfego a umas quadras daqui e tudo ficou mais lento.
Mas já que você está interessada em deixar de lado os bens materiais para poder ascender na escala espiritual, podemos falar mais sobre o assunto.

Pergunta #895

Oi, Dr.Traça! hoje vou mudar o rumo da perguntinha, nada a ver com religião…
A palavra [cravo] tem diferentes significados. Gostaria de saber se três deles tem a mesma origem: [cravo= instrumento musical][cravo = prego ] [cravo = flor ].

Resposta:

olá´,gostaria de saber a historia do instrumento musical CRAVO.

Pergunta #894

Bom dia! Gostaria de saber a origem da palavra sincera. Obrigada.

Resposta:

Cristina:
Essa palavra vem do Latim SINCERUS, “franco, verdadeiro, legítimo”, de SIM-, “junto”, mais a raiz de CRESCERE, “crescer, aumentar de tamanho”.
A idéia inicial era a de plantas derivadas de uma mesma brotação, “puras” no sentido de não terem mistura com outras.

Pergunta #893

Bom Dia, Mestre ABC
Achei interessante a definição de SUPORTAR e concluí que muitas vezes eu suportei a Sra. Delicadeza!!
O duro é convencê-la de me suportar,no sentido de “aguentar” mesmo!
Eu gostaria de saber duas coisas hoje: a origem de “lato sensu” e qual será o meu cargo na IEU? O senhor não me permitiu assumir minha posição humilde de escrava, então me deu esperança de angariar um espaço nesta importante hierarquia!

Resposta:

Patrícia:
Bem, você e Delicadeza que se entendam. Dêem um jeito!

LATO SENSU quer dizer “em sentido amplo”, em Latim (opondo-se a SRICTO SENSU, “em sentido estrito”). De LATUS, “amplo, espalhado sem relevo”, veio o nome “Lácio”, onde se desenvolveu esse idioma, já que se tratava de uma planície.

Quanto ao seu cargo em nossa hierarquia, estou pensando, por ora, em Camerlenga. Já estou até escolhendo as roupas cerimoniais. Vão todos ficar umas gracinhas!

Pergunta #892

Com atraso, gostaria de deixar registrado pra ti, professor Alaúzo, minha gratidão e meus parabéns pelo dia do professor. E hoje, dia do médico, felicito a todos os profissionais da ciência mais nobre do planeta.

Resposta:

Rolando:

Muito agradecido pela bela mensagem. Mantenha sempre essa atenção para com os outros e a Vida será sua.

Pergunta #891

Amado Mestre
Fazer parte deste círculo de discípulos já me traz muita alegria. Agora ser Diácono a IEU, nossa!!!!!
Estou me preparando.
Aliás, “pandorra” e “pandora” tem o mesmo significado e origem?

Resposta:

Prezado Diácono:
O Sr. merece o cargo. Não se esqueça de que 30% do que arrecadar pertence à IEU.

“Pandora” é a mulher que Hefesto fez em argila, por ordem de Zeus, para castigar a humanidade. Ela recebeu uma série de capacidades de parte de vários deuses.
Daí o nome, de PAN, “todos”, mais DORON, “dons” – ela era a portadora de vários dons.
Ela se uniu ao irmão de Prometeu, aquele que dera o fogo aos homens, levando uma jarra doada pelos deuses como dote. Não sabendo o que havia dentro e tomada pela curiosidade, ela abriu a jarra e dali saíram todas as desgraças que nos afligem. Só permaneceu ali dentro a Esperança, que não pôde sair porque a abelhuda recolocou depressa a tampa.

Agora, “pandorra” não consta de meus alfarábios. Diga-me o significado para que eu possa investigar mais.

Pergunta #890

Boa tarde, prof.!
Pode ajudar-me com a palavra: suportar? Grata. Sandra

Resposta:

Delicadeza:
Você está por demais lacônica hoje. Cansou-se muito nas festas do fim-de-semana?

“Suportar” vem do Latim SUPPORTARE, de SUB-, “por baixo”, mais PORTARE, “levar”.
A pessoa que está por baixo da carga que carrega está suportando um esforço, que também pode ser uma provação moral ou psicológica.

Pergunta #889

Doutor, verdade que o sobrenome Pinto tem uma origem pouco católica?

Resposta:

Admilson:
A família Pinto é uma das mais antigas e nobres de Portugal e, portanto, é certamente mui católica.
O sobrenome se origina de uma característica física do iniciador da linhagem: ele deveria ter marcas ou sardas na pele; era “pintado”, ou o seu sinônimo, “pínto”.

Pergunta #888

ausência
existência

extremo
sublime
adorar
apreciar
exitar

energia

Valew

Resposta:

Lacônico Marcelo:

“Ausência”: do Latim ABSENTIA, “ausência”, de ABSENS, “o que está afastado”, do verbo ABESSE, “estar ausente”, formado por AB-, “fora”, mais ESSE, “ser, estar”.

“Existência”: do Latim EXISTENTIA, “existência”, do verbo EXSISTERE, formado por EX-, “fora”, mais SISTERE, “manter em pé”.

“Extremo”: do Latim EXTREMUS,”o mais afastado”, superlativo de EXTERUS, “o que está fora, exterior”.

“Sublime”: do Latim SUBLIMIS, originalmente “o que está logo abaixo da soleira da porta, o que não pode estar mais alto”, de SUB-, “abaixo”, mais LIMEN, “lintel, soleira”.

“Adorar”: do Latim; inicialmente, era “falar formalmente”, de AD-, “para” e ORARE, “falar de maneira formal, rezar”, palavra esta que vem de OS, “boca”. Depois passou a ter o sentido de “venerar”.

“Apreciar”: do Latim APPRETIARE, “dar preço a”, de AD-, “para”, mais PRAETIUM, “valor, recompensa, prêmio”.

“Exitar”: até existe nos dicionários, mas nunca use, pois é horrível. Com o sentido de “ter êxito”, vem do Latim EXITUS, que vem do verbo EXIRE, “sair”, de EX-, “fora”, mais IRE, “sair”.

“Energia”: do Latim ENERGIA, do Grego ENERGEIA, “atividade, operação”, de ENERGOS, “ativo, que trabalha”, de EN-, “em”, mais ERGON, “trabalho”.

Valew??

Pergunta #887

Qual a origem da palavra BENEVOLENTE ?

Obrigado.

Resposta:

Gustavo:
“Benevolente” vem do Latim BENEVOLENS, “aquele que deseja o bem”, de BENE, “bem”, mais VOLENS, “o que deseja”, do verbo VOLERE, “querer, desejar”.

Pergunta #886

Noutro dia recebi um e-mail com a origem da palavra “caralho”. Um texto muito interessante mostrando que caralho era um cesto exixtente no final do mastro das caravelas, para onde eram enviados os marujos mais rebeldes. E depois o texto discorre de maneira muito engraçada sobre os usoa atuais da palavra “caralho”. Eu gostaria de saber se essa informação é verídica. Muito obrigada.

Resposta:

Cristina:
Você fez muito bem em investigar conosco antes de sair repetindo erros.
Essa palavra vem do Latim CHARACULU, aparentada ao Grego KHARAX, “estaca, pedaço de pau, bastão de madeira”.
Nada a ver, portanto, com o tal cesto da gávea.
Essas falsas etimologias devem estar sendo espalhadas por um tal de Croquezz, inimigo jurado do valoroso Detetive X-8, que não perde por esperar o que merece.

Pergunta #885

Amado mestre
Reservo este espaço para dizer:
FELIZ DIA DOS PROFESSORES!!!
E obrigado por compartilhar de sua infinita Sabedoria salomônica conosco!!!

Resposta:

Rebebes:
Gracias!
Veja abaixo.

Pergunta #884

Amado Mestre
Fico “lisongeado” (de onde vem esta palavra??), mas a minha “modéstia” (outra!!) não me permite ser “arauto” (mais uma!) de vossa sapiência.
Mas me coloco a disposição, assim como a Delicadeza, a Patricia e a Selma para ser CAAM (Consultor para Assuntos Aleatórios e Místicos) da IEU.

Resposta:

Rebebes:

“Lisonjear” vem do Provençal LAUSENGA, vindo do Frâncico LAUSINGA, “mentira”, “falso louvor”.
“Modéstia” é do Latim MODESTUS, “moderado, sóbrio, o que mantém os limites”, de MODUS, “medida, maneira”.
E “arauto” é o mesmo que “heraldo”. Derivam do Francês Antigo HÉRAUT, que veio do Frâncico HARIWALD, “comandante de um exército”, do Germânico Arcaico KHARJAZ, “exército”, mais WALD, “comandar, dirigir”.

Aceito a sua disponibilidade para CAAM da IEU. Assim que estiverem prontos os estatutos da congregação, você será Diácono CAAM de 1º Grau. Usará lindas vestes.
Agradeço os elogios, embora infinita seja a sua bondade, não minha sabedoria.
Talvez eu prefira não ser comparado a Salomão, pois estudos recentes mostram que ele não era tão sábio quanto esperto. Sabe os livros dele, na Bíblia? Pois não foi ele o autor.

Pergunta #883

Queridíssssssssssimo Sr.Sapiência, PARABÉNS!!!!!Hoje é seu dia, a alegria é nossa. Nossa grande família faminta do saber quer hoje atribuir-lhe encômios mil por ser esse “poço” de sabedoria, essa “avalanche” de inteligência e essa “prontidão” em ajudar. Obrigada por dividir conosco esse dom da cultura, essa paciência em servir. “Todo bem que se faz perfuma a alma.” Por isso, ao invés da macieira prometida, quero lhe enviar uma árvore florida, no auge da primavera, ela saberá com maestria e graciosidade lhe fazer feliz. Nem achei tamanho que coubesse, como o “essencial é invisível aos olhos”, todas as árvores do saber sorriem para você que tem luz.
Bem…a turma não precisa se preocupar comigo ou manifestar qualquer tipo de dor na articulação, sou apenas fã incondicional do Sr.Sapiência, afinal como diria Sócrates: “Sê ávido do saber e serás sábio.” Sigo as pegadas do Amado Mestre. Também, né turma, por enquanto sou a única no estrangeiro.
Sr.Sapiência, felicidades, hoje uma folgazinha vai bem, com fado, vinho e o vira!
Um abração do tamanho do universo,
da fã além-mar,
Selma

Resposta:

Ultramarina Selma:
Céus, um abraço desse tamanho e eu com corpo e alma tão pequenos!
Mas quando o abraço vem com tamanho afeto, a gente sempre dá um jeito de abrigar algo tão grande e tão bom.
Grato pela árvore invisível apenas aos olhos. Dei uma espiada com outros sentidos e a vi linda.
Mas pare de tanto elogio, que não estou à altura.

Pergunta #882

“O conhecimento é um dos
maiores bens que a vida pode nos dar e, seja qual for o nosso saber, ele
foi adquirido através de algum Professor : O Professor que nos dá aula, o Professor que escreve livros, o Professor interno que todos nós temos, e … o professor que nos dá definições infindas da etimologia!
PROFESSOR ABC, FAÇO AQUI UMA GRANDE ALAÚZA PARA DIZER BEM ALTO: FELIZ DIA DO PROFESSOR!!
O senhor tem feito grande diferença em nossa vida através desta página da Internet!
Em nome de todos os seus fiéis e aplicados alunos: PARABÉNS!

Resposta:

Patrícia:
Nem sei o que dizer de tão lindas manifestações que estou recebendo hoje.
Elas têm um valor especial se considerarmos que a atividade de ensino sempre me atraiu mas não foi nela que fiz minha vida profissional.
Parece que agora sou um Professor, pelo menos honorário, devido ao carinho de quem me consulta!
Obrigado.

Pergunta #881

Olá professor! Estou aqui novamente a perguntar. Gostaria de saber agora a origem de mais dois nomes: de Castro e Pozza. Fico feliz em poder contar com sua ajuda! Um grande abraço!

Resposta:

José Henrique:

“Castro” vem de nomes de localidades. Em Italiano, quer dizer “acampamento militar romano”, “jurisdição de um castelo, de um senhorio”. Na Itália é um sobrenome bastante encontrado na região da Catânia, de Bari, de Nápoles.
Na Espanha, constitui uma das mais antigas famílias, atestada desde antes do ano 1000. Teria vindo de D. Fruela, Rei de Astúrias.
“Pozzi” vem do Italiano POZZA, “poço”. Este nome e aparentados são comuns no Centro-Norte da Itália.

Pergunta #880

Prezado Prof,

Que seu trabalho seja cada vez mais reconhecido e é de fundamental importância para os que se alimentam das coisas do espírito.
Tudo de bom e que Deus o abençoe,
No meu e-mail anterior gostaria de perguntar sobre a palavra “surpresa”,

Cordialmente,

Francisco Nery

Resposta:

Francisco:
Grato pela força. Amém.

“Surpresa” vem do Latim SURPREHENDERE, de SUB-, “sob”, mais PREHENDERE, “atacar, prender, alcançar”.
A metáfora é a de que uma pessoa pode estar em posição em que outra a ataque de inopino a partir de uma posição mais alta.

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!